Pessoas que Inspiram 

28-11-2019

O meu percurso tem sido influenciado por muitas pessoas. Adoro rodear-me pessoas, pensamentos, livros, lugares que me inspiram! Veículos que levam a novos horizontes e me permitem tem uma visão mais ampla do que podemos fazer da vida! 

Uma dessas pessoas é sem dúvida a Bárbara Ruano Guimarães

A Bárbara é a criadora do projeto All About You! Faz a fusão perfeita entre Coaching e Bazi, utilizando essas ferramentas para ajudar as pessoas a fluirem em direção ao seu propósito e natureza! 

A sua missão é inspirar as pessoas a fazer escolhas alinhadas com o seu potencial, pois acredita que o sucesso e a felicidade podem ser acessíveis a todos!   

Afinal de contas, quantas vezes fazemos aquilo que não está alinhado com a nossa essência? 

A Bárbara sabe isso pela sua própria experiência de vida: 

"Houve uma altura em que a minha energia começou a diminuir drasticamente, o dia em que percebi que o que dizia não estava a ser coerente com o que fazia ou o que pensava. Esse foi o dia em que o universo me obrigou a mudar". 

O que é que a Bárbara começou a fazer de forma diferente? 

"Comecei a seguir o caminho que incentivava os outros a seguir: "faz o que te faz feliz, o que está de acordo contigo, assim conseguirás ter mais sucesso" 

Para a conhecermos melhor a Bárbara decidi fazer-lhe uma 5 perguntas: 

1. Querida Bárbara onde foste buscar a força e inspiração para seguir o teu propósito?

Nunca tinha pensando nisso a fundo, mas agora que reflito sobre o porquê, porque é que decidi fazer deste caminho o meu objetivo vejo que tem a ver com urgência da vida. Percebi que a vida é curta demais para se investir tempo em algo que não nos faz sentir preenchidos. Ganho força e inspiração todos os dias porque sinto que só aquilo que sonho para mim faz sentido e se não estiver nesse caminho, de escolher o que quero para mim, de seguir o que me move... vou estar a escolher a frustração, o desinteresse pela vida e não é isso que quero. Não é isso que quero passar aos meus filhos e não quero acabar a minha vida com a frase "se eu tivesse tentado".

2. Que principais desafios encontraste (ou ainda encontras) durante esse caminho? 

Os meus principais desafios são o medo, o medo de não resultar como quero, o medo de não ser capaz de fazer o que quero. O medo de me desiludir. A meu auto discurso por vezes quer que eu pare. Quando fazemos projetos para nós, queremos sempre que sejam um sucesso e eu tenho o perfeccionismo muito presente em mim. Esse perfeccionismo faz com que, por vezes, tenha indecisões ao avançar. Mas assim como sei que estes são os meus desafios também sei que só terei as minhas respostas se escolher fazer, um passo de cada vez, o que o meu sonho exige.

3. Numa época em que temos tudo ao nosso dispor, ao nível de segurança, educação, tecnologia, conforto, etc.. O que achas que impede as pessoas se serem felizes? 

O olhar para dentro, para o potencial que têm, para os valores que fazem parte de si. Não há felicidade que o exterior nos possa dar se a nossa identidade não estiver consciente, nutrida e em paz. O exterior existe para completar a nossa melhor versão e não para a construir.

4. Que conselhos podes dar a quem quer seguir o seu sonho ou quer mudar o seu rumo de vida e ainda não deu o salto de fé?

Primeiro que ganhe clareza em relação a esse sonho e que consiga perceber se esse sonho é para si e pensado em si ou se é algo que está a acontecer para agradar os outros. É preciso que ponha como prioridade implementar sempre a sua intenção. 

Veja o que quer fazer, como quer fazer, para quem quer fazer, o que tem de excecional que pode dar aos outros e o que é que os outros podem beneficiar com isso. Depois, que não desista... a vida vai trazer momentos fáceis e alguns desafios, mas o sonho só se tornará realidade se seguir em frente.

Pense no seu sonho com calma e se neste momento não poder fazer mudanças gigantes na sua vida, pode sempre fazer pequenas mudanças que alimentam esse sonho e que estão de acordo com a intenção que tem para a sua vida. Para além de tudo isto, comprometa-se a fazer o que está ao seu alcance para que o seu sonho seja a sua realidade de amanhã.

5. Como seria o mundo se todas as pessoas seguissem o seu propósito?

Seria um mundo maravilhoso, de pessoas motivadas e cheias de força, de pessoas otimistas e de bem com a vida. De pessoas com uma luz e uma energia incrível. Pessoas que seguem o seu caminho e se focam no que é importante para elas... e não no dos outros. Pessoas que acordam todos os dias com a intenção de fazer melhor e contribuir. De pessoas que amam porque o seu amor por si está assegurado...

Great minds think alike! E eu adoro pessoas assim! 

Por uma Vida ECOnsciente,
Filipa Gouveia